Como fazer lanche natural para vender

No texto de hoje eu vou te mostrar como fazer lanche natural para vender. Essa modalidade de lanches para vender tem dado ótimos resultados aos empreendedores que tem tido a coragem de investir e trabalhar duro. O mesmo pode acontecer com você!

Os lanches naturais são simples, fáceis e rápidos de fazer! A margem de lucro que você consegue com cada um é bem alta e te dá ótimos resultados. Além disso, ainda existe certa dificuldade de encontrar lanches assim por aí – que tenham qualidade e sabor.

A partir do momento que você entender como fazer lanche natural para vender você pode começar a ganhar dinheiro e é isso que eu vou te ensinar durante todo o texto. O objetivo não é só te mostrar receitas, mas te dar dicas de como você pode trabalhar para ter sucesso.

Acredite: essa é a melhor época para trabalhar com lanche natural! As pessoas estão preocupadas em se manter em forma, em cuidar da saúde e a quando encontram esse tipo de lanche elas se tornam clientes fies.

Tendo uma boa estratégia de divulgação e venda você pode ir longe! Por mais que comece pequeno, vendendo diretamente para as pessoas, com o tempo você pode montar uma distribuidora delivery desses lanches e expandir seu cardápio.

Tudo pode acontecer! A questão é: você está disposto a dar o seu melhor para ter o negócio dos seus sonhos? Se estiver, ótimo! Você está no lugar certo e eu tenho certeza que esse texto vai te ajudar.

Agregue valor ao seu negócio

Como fazer lanche natural para vender

É importante falar sobre isso porque o lanche natural é realmente algo que tem muito potencial para você faturar bem todo mês. Só que já existe muita gente por aí que trabalha com isso, o que vai fazer você se diferenciar dos outros?

Não venda sanduíches, venda saúde! Venda uma alimentação que vai colaborar com o corpo em forma e com o bem estar da pessoa que está comendo. Venda uma alimentação saborosa que não engorda. Venda bem estar!

A partir do momento que você compreende isso, a forma como você vai chegar até as pessoas, a forma como vai divulgar seu produto e apresentar será diferenciada e é isso que vai te destacar dos demais.

Quando você vender lanche natural que vai garantir que a pessoa se alimente bem, que tenha prazer e que contribua para o seu bem estar físico e mental, ninguém vai te segurar e os resultados serão incríveis!

Todo mundo hoje está preocupado com isso e esse é o gancho que vai fazer o seu negócio dar certo. É muito mais do que saber como fazer lanche natural para vender, é entender também como a divulgação contribui para os seus resultados.

Outras ideias de negócios de cozinha para você:

A embalagem é fundamental

fazer lanche natural para vender

Existe outro ponto sobre como fazer lanche natural para vender que é muito importante! Como estamos falando de ingredientes que são facilmente desgastados, eles precisam ser embalados da forma correta a fim de serem conservados e não causarem nenhum problema a quem consumi-los.

A maneira mais comum de embalar lanche natural é com o uso de papel alumínio. Isso porque ele consegue conservar o alimento por mais tempo, preservando sua temperatura e o livrando qualquer tipo de contaminação.

Algumas pessoas também embalam utilizando papel filme e depois colocando em uma caixa de papel. Essa forma também contribui para a sua preservação.

Independente da forma você precisa se certificar que a embalagem está intacta, limpa e que está cobrindo todo o lanche natural que você está fazendo. Não deixe nenhuma parte de fora.

É preciso colocar a validade dos produtos

Esse é outro ponto fundamental! Todo o lanche que você fizer precisa vir com um adesivo contendo a data da fabricação e a validade. Esse é um processo obrigatório que você não pode deixar de fazer – assim as pessoas terão confiança em consumirem ele.

Com relação à validade, depende muito dos ingredientes que você irá utilizar. O prazo mais seguro seria o de 48 horas após a data de fabricação. Assim você não corre o risco de vender algo que possa causar algum tipo de intoxicação ou outro mal a quem consumir.

Saber como fazer lanche natural para vender inclui todos esses cuidados. É uma atividade que requer seriedade e profissionalismo. Por isso deixe esses dados bem visíveis.

Como vender lanche natural

Essa é outra coisa que você com certeza deve estar se perguntando, sem saber exatamente como fazer, não é? Eu vou te dar algumas sugestões de como vender lanche natural que vão te ajudar a abrir seus olhos e assim você vai conseguir escolher.

Claro que para fazer a escolha correta você precisa avaliar o seu perfil pessoal, as suas condições financeiras de hoje e também onde tem maior potencial para você ter os melhores resultados.

Observe:

Faça parceria com academias de musculação, crossfit e de luta

Normalmente eu costumo iniciar essa parte falando da venda direta, mas resolvi falar das parcerias porque elas podem te dar excelentes resultados e você não vai precisar de grandes investimentos para trabalhar dessa forma.

O primeiro passo é selecionar todas as academias que existem na sua região. Faça um mapeamento e depois procure o gerente ou o dono – isso é fundamental! A ideia é que você entre em contato direto com essas pessoas, apresentando o seu trabalho e oferecendo ele para ser vendido nesses locais.

Essas academias costumam ter uma área para o lanche das pessoas e precisam de algo saudável e gostoso para vender. Se você conseguir fechar esse tipo de parceria pode ter ótimos resultados.

Venda diretamente para as pessoas

Essa é a forma mais comum de trabalho depois que as pessoas aprendem como fazer lanche natural para vender. Você só vai precisar de uma bolsa térmica para colocar o seu lanche e de muito sorriso no rosto!

A grande sacada dessa categoria é encontrar locais que tenham grande fluxo de gente. Você pode trabalhar oferecendo seus lanches para pessoas que trabalham em lojas de shopping, na frente de faculdade, próximo a colégios, praças… O importante é ter gente!

Como fazer lanche natural para vender: Receita para você começar

lanche natural para vender

Agora que já te dei uma visão geral sobre esse segmento e te mostrei coisas importantes que você precisa se preocupar, é hora de te mostrar como fazer lanche natural para vender. Vou te apresentar duas receitas de sanduiche natural que podem te ajudar a começar.

Elas não são difíceis, mas você precisa prestar atenção para seguir todo o passo a passo e o mais importante: utilize ingredientes de qualidade!

Sanduíche natural de atum

Ingredientes para o sanduiche

  • 3 fatias de tomate
  • 2 fatias de pão de forma
  • 1 xícara e 1/2 de chá de agrião
  • 150 g de pasta de atum

Ingredientes para a pasta de atum

  • 270 g de ricota
  • 450 g de atum (que vem na lata)
  • Folhas de manjericão
  • 150 g de cream cheese

Modo de preparo da pasta de atum

Primeiro corte o manjericão bem pequeno e adicione ao liquidificador com a ricota em pedaços e o cream cheese. Acrescente também o atum e bata novamente para misturar bem.

Modo de preparo do sanduíche

Primeiro aqueça as fatias de pão no forno. Depois passe a pasta de atum nas duas fatias, acrescente o tomate e o agrião e corte o pão no meio.

Sanduíche de frango com milho

Ingredientes

  • Alface
  • 2 fatias de pão integral
  • 3 colheres de sopa de frango desfiado
  • 1 colher de sopa de milho
  • 1 colher de sopa (cheia) de maionese

Modo de preparo

Primeiro você vai misturar o frango com o milho e a maionese. Misture bem até virar uma mistura. Passe ela em cada fatia de pão, depois acrescente o alface, feche o pão e corte ao meio.

Vender lanche natural dá dinheiro

vender lanche natural dá dinheiro

Agora que você já sabe como fazer lanche natural para vender, comece! Essa é uma atividade que pode te render muito mais do que um dinheiro extra, pode ser a sua renda principal e te fazer ganhar bem.

As pessoas que trabalham com esse tipo de produto faturam de R$1.500 a R$2.500, alguns conseguem montar empresas de sucesso que faturam milhares de reais por mês.

Aonde você vai chegar só depende de você, mas saiba, vender lanche natural dá dinheiro mesmo e pode te ajudar a construir uma nova vida. Você consegue!

22 comentários Adicione o seu
  1. Gostei muito da publicação. Só faltou uma dica de quanto mais ou menos seria gasto pra fazer e de quanto vender. Estou querendo fazer para vender no meu curso para ajudar nos gastos do decorrer do ano letivo. Gostaria de receber uma ajudar nesta questão que levantei. Tipo um base.

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Oi Anna, tudo bem?
      É difícil de eu te dizer quanto você vai ter de custo, porque depende muita da forma que você fará o lanche. É preciso calcular os ingredientes, a sua mão de obra e tudo o mais que você utilizar (como energia e gás, por exemplo).

      Na hora de vender o produto você precisa cobrir o valor do custo e ainda ter uma margem de lucro. Uma boa dica é analisar os preços utilizados pela concorrência.

  2. Gostei.

    Bem apropriada essa matéria. A tempos venho considerando essa hipótese, a princípio, como uma renda extra; pois, moro no litoral de SC, e nesse verão vou colocar em prática. Se souber de algum curso na área, agradeço.

    Obrigada – Janete.

  3. Fabi Fidelis disse:

    Obrigada pela materia, me ajudou muiiito!
    Deus lhe abençoe pois, dividir conhecimento é um ato muito nobre!

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Oi Fabi!
      Fico feliz que tenha te ajudado.
      Que Deus nos abençoe! Amém!

  4. Ótimo …. Gostei muito desse post e ele vai me ajudar bastante no meu primeiro incentivo de montar um negocio próprio …. Belas Palavras e Parabéns ao administrador do site …

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Fico feliz que tenha te ajudado Yargo!
      Desejo sorte e sucesso para você 🙂

  5. Boa tarde!
    Via agora a matéria, gostaria de dica de onde comprar pão próprio para sanduiches.

    Obrigada Rose

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Oi Rosemeire,

      Você precisa procurar aí em alguma padaria que possa fazer uma parceria para comprar em quantidade ou até mesmo em alguns mercados atacadistas.

  6. Gostei muito desse post, mas estou com uma duvida so bre a pasta de atum, quanto tempo consigo conservar se fizer em quantidade?

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Danilo, Atum é algo que estraga muito rápido então eu acho que o ideal é fazer de um dia para o outro mesmo.

  7. André Ferreira disse:

    Post muito bem elaborado com conceito e explicação de fácil entendimento. Jéssica Trabuco gostaria de lhe parabenizar pela atitude de compartilhar seu conhecimento pois nos dias que estamos pode ser a solução de renda para muitas pessoas.
    Post nota 1000 !!!

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Poxa André, muito obrigada pelo seu comentário!
      Fico feliz que gostei e realmente espero que isso possa ajudar muita gente!

      Obrigada mesmo!

  8. DEBORA DE MOURA PEREIRA disse:

    Gostei muito da materia mas o que eu gostaria mesmo era uma que nos ensinasse a investir e como tirar o lucro desse investimento.Tem algum site que possa me ensinar isso.

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Oi Debora, obrigada pelo comentário!
      Vou colocar o assunto em pauta e logo logo eu vou produzir um artigo sobre isso.
      Obrigada pela dica.

      1. Fico no aguardo, pois também tenho interesse. Obrigada! Matéria muito boa.

  9. Angela Brazil disse:

    Jéssica, parabéns! Fiquei encantada com seu post, nos ensinando e esclarecendo como realizar uma venda, validade do produto, armazenamento, dicas de recheio. Td mto importante pra se começar um bom negócio.

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Ô Angela, muito obrigada!
      Fico muito feliz se consigo ajudar, é esse o objetivo do blog.
      Muito obrigada pelo seu comentário! 🙂

  10. Boa noite, alguém pode indicar a embalagem triangular par o lanche?

  11. Se eu colocar só no plástico filme,tem perigo de estragar?Tem que obrigatoriamente colocar depois na caixinha de papel?Só que me informar bem direitinho pra poder fazer pesquisa de preços TB.Parabens pelas suas informações, já estava procurando há tempos e estava sem ter um norte certo e você me ajudou muito .

    1. Jéssica Trabuco disse:

      Oi Ruth, obrigada pelo seu comentário.
      Então, depende muito da forma que você vai trabalhar.
      Algumas pessoas só colocar no plástico filme.
      De que maneira você vai vender?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *