Como vender pizza semipronta [SEGREDO REVELADO]

Hoje eu vou te mostrar como vender pizza semipronta pode se tornar uma coisa simples e te ajudar a ganhar muito dinheiro!

Sei que tem muita gente procurando uma alternativa para faturar e nessa busca é fácil perceber o quanto a pizza é um bom negócio. Conhecer uma receita é o começo e te ajudará, mas a maior dúvida que as pessoas têm é de como vender.

Pensando nisso eu criei um guia com sete passos básicos, que você pode dar agora mesmo, que vão te ajudar a ganhar dinheiro com pizza semi pronta aí na sua região.

Meu convite é que você fique comigo até o final do artigo, conheça todas as dicas que eu trouxe para você e esteja pronto a colocar em prática o quanto antes.

Não importa qual seja a sua situação nesse momento, se você se dedicar, pagar o preço e persistir, o seu negócio tem tudo para dar certo. Essa pode ser a luz que você estava pedindo aos céus para mudar a sua vida.

Vem comigo e aprenda o passo a passo de como vender pizza semipronta!

Como vender pizza semipronta em 7 passos!


Esses sete passos que trouxe vão te mostrar como vender pizza semipronta na prática. São coisas simples, mas que a gente acaba deixando passar despercebida pelo nervosismo e a ansiedade de começar algo novo – o que é normal.

O que eu te peço é que para cada ponto você pare um pouco e pense na sua situação. Você já fez isso? Está perto? Precisa começar do zero?

Seja qual for a sua situação, o importante mesmo é começar – não importa como.

Preparado por aí? Então vamos lá:

Leia também: Como fazer mini pizzas para vender

como vender pizza semipronta

#1 – Prepare uma pizza maravilhosa

O primeiro passo para ganhar dinheiro com pizza semipronta é saber fazer pizza, mas saber de verdade! Se a gente investe em capacitação para tantas profissões, porque você acha que seria diferente com o seu negócio?

Você precisa se dar esse presente e investir na sua profissionalização. Isso vai te ajudar a saber as técnicas da produção de massas e recheios maravilhosos, sem falar na parte organizacional do negócio e até de normas técnicas.

Uma boa opção para isso é o curso Pizzaiolo, que é todo em vídeo e vai te transformar no melhor profissional de pizzas da sua região.

Com o curso você vai aprender:

  • Pizzas salgadas e doces;
  • Técnicas e receitas de massa e de molho;
  • Segredos da borda recheada;
  • Calzones (PERFEITOS);
  • Práticas profissionais da cozinha;
  • Temperos;
  • E muito mais!

O melhor é que esse curso está oferecendo alguns presentes para os seus alunos. Você vai receber, de graça, capacitação em:

  • Congelamento;
  • Massa de pastel;
  • Pizza no Cone;
  • Manual para abrir disk pizza;
  • Calculadora de custo de fabricação;
  • E outras surpresas.

Fazer o curso Pizzaiolo é a sua chance de investir em você mesmo em prol do seu negócio. Se dê essa oportunidade.ganhar dinheiro vendendo pizza semipronta

#2 – Distribua sua pizza pela região

Aprendeu as técnicas para fazer a melhor pizza do mundo? Ótimo! Agora é a hora de deixar um gostinho na boca do público da região que você vai trabalhar.

Faça algumas pizzas e distribua, gratuitamente, pela região. Faça questão de falar do seu negócio – avisando a data de abertura e dando o contato e/ou endereço se for o caso.

Se for possível contrate algumas pessoas para ajudarem nessa distribuição. Coloque som, faça algo bem chamativo!

Com pizzas deliciosas sendo distribuídas, o seu nome será conhecido e as pessoas ficarão curiosas. Eu te garanto que no dia da inauguração alguns pedidos já estarão garantidos.

Não tem como vender pizza semipronta sem as pessoas conhecerem e gostarem dela, né? Então já comece a planejar essa ação por aí.

#3 – Escolha como vai trabalhar

Aqui está uma decisão importante e que vai influenciar diretamente nos resultados do seu negócio. De que maneira você pretende trabalhar? Como quer fazer o seu negócio funcionar?

Porque você pode montar uma pizzaria de pizzas semiprontas onde o cliente vai retirar na loja, pode montar um delivery, vender em casa ou até trabalhar com a venda das suas pizzas para outros estabelecimentos revenderem.

Para tomar essa decisão você precisa avaliar quanto tem disponível para investir, qual formatação te deixará mais à vontade e qual delas vai permitir que você chegue ao seu objetivo.

Também é importante analisar como os seus concorrentes trabalham e a partir disso criar uma estratégia que te diferencie dos outros.

#4 – Deixe a vergonha de lado

Talvez esse seja o ponto alto desse meu guia porque está aqui o problema de praticamente 99% das pessoas que me mandam mensagens: a vergonha.

É normal a gente sentir vergonha para começar qualquer coisa na vida, mas por algum motivo algumas pessoas acreditam que trabalhar com um produto que a gente mesmo faz é algo menor.

Acredite: Não é não! Muito pelo contrário! Tem que ter muita coragem e peito para arregaçar as mangas e escrever a história por conta própria, sem depender de ninguém, fazer pelas próprias mãos a sua vida.

É motivo de orgulho ter o seu próprio negócio, seja ele fazer pizza em casa e vender para os vizinhos ou ter sua própria pizzaria.

Você tem seus horários, sua vida, sua rotina, sua liberdade! Sem falar que provavelmente vai ganhar muito mais do que as pessoas que trabalham de segunda a sábado em empresas, cerca de oito horas diárias e ainda passa por humilhação.

Então respira fundo e joga a sua vergonha bem longe. Se orgulhe dessa nova jornada!

#5 – Invista pesado em divulgação

vender pizza semipronta dá dinheiro

Tem como vender pizza semipronta sem fazer a divulgação? Não! Aquela primeira ação que falamos no início do artigo é para divulgar e funciona bem, mas além dela você precisa pensar em algumas outras.

O panfleto, o cartaz ou banner no local onde você vai trabalhar, a própria degustação e também a internet.

Hoje em dia utilizar a internet no seu negócio é fundamental! Além de estar presente nas redes sociais, como o Facebook e o Instagram, postando fotos e promoções do seu produto, é importante também apostar nos anúncios.

Você pode fazer isso gratuitamente tanto em grupos de venda do Facebook da sua região, como também em sites como OLX e Mercado Livre.

#6 – Atendimento tem que ser prioridade

Se o cliente vai ser atendido pessoalmente ou por telefone e/ou internet, não importa! O que vale mesmo é que ele tenha um atendimento especial.

A pessoa que vai comprar a pizza semipronta na sua mão precisa ir porque seu produto é maravilhoso, mas também porque ela se sente bem com o atendimento, sabe? Isso faz toda a diferença!

Eu trabalhei muito tempo com vendas direta ao público e já percebi que tem gente que compra na sua mão mesmo que não precise do produto, só pelo bom atendimento. Assim como tem gente que não compra algo, mesmo que precise muito, se for mal atendido.

Então tome muito cuidado com isso! Você e quem mais trabalhar ao seu lado precisa levar isso muito à sério.

#7 – Faça promoções!

Outra boa forma de vender pizza semipronta é criando promoções que chame a atenção das pessoas. Pode ser um desconto especial para sabores de acordo com o dia da semana, a criação de kits de tamanho menor ou até um cartão fidelidade.

O importante mesmo é fazer com que o seu cliente se sinta privilegiado, feliz, criando laços com você.

Tem gente que acredita que promoção significa perder dinheiro, mas é exatamente o contrário. Com a promoção certa você torna o seu negócio ainda mais conhecido e pode multiplicar seu faturamento.

Leia também: Como fazer enroladinho de queijo e presunto para vender

Agora é agir!


vender pizza dá dinheiro

O melhor momento da sua vida para ir atrás do que acredita e apostar em você, é agora! Se é o que você quer, tome coragem e dê o primeiro passo.

Mais do que te ensinar como vender pizza semipronta, o que eu quis aqui foi te mostrar que você tem tudo que precisa para começar a viver a vida que sempre quis e esse pode sim ser o caminho.

Não deixe nem o medo e nem a vergonha te paralisarem, você pode sim!

Desde já eu deixo meu forte abraço, um boa sorte e sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *