Vender mingau dá dinheiro? [ENTENDA A VERDADE AGORA]

Tem muita gente me perguntando se vender mingau dá dinheiro e hoje eu resolvi contar toda a verdade sobre isso! Se você está pensando em investir nesse negócio, não comece antes de ler o que eu trouxe aqui.

Ouvimos sempre por aí histórias de pessoas em todas as partes do Brasil que trabalham com a venda desse produto, mas será que elas conseguem viver bem? Será que é possível ter um bom resultado no final do mês?

Eu vou te contar a vender sobre isso e faremos algumas simulações para você ter uma ideia de quanto dá para ganhar vendendo mingau.

O que acha de me acompanhar nessa leitura? Fica comigo até o final, aproveita essas informações que eu te trouxe a esteja pronto para agir o quanto antes!

Vender mingau dá dinheiro ou não? Descubra quanto dá para ganhar!


Sim! A verdade é que vender mingau é lucrativo, mas isso não tem nada a ver com ganhar dinheiro sem esforço, da noite para o dia ou em um passe de mágica.

Primeiro vamos às possibilidades de ganho, ok?

Um vendedor ambulante de mingau costuma vender 100 unidades por dia. Ele pode trabalhar com copos de dois tamanhos diferentes, que vão variar de R$2 a R$4. Vamos colocar a média de R$3 nesse exemplo, ok?

Vendendo essa quantidade por dia significa que o faturamento dele é de R$300. Se trabalhar seis dias na semana, esse faturamento será de R$1.800. No final de quatro semanas (um mês) o resultado é R$7.200.

Agora me diga aí: Vender mingau dá dinheiro ou não?! Quantas pessoas hoje em dia conseguem ter esse salário trabalhando de carteira assinada?

Lembrando que aqui é só um exemplo de um vendedor ambulante e existem muitas outras formas de trabalhar.

Leia também: Como fazer fondue no pote para vender

Dá para ganhar dinheiro com mingau o ano todo?


vender mingau dá dinheiroFoto de Luciano Carcará | Ag. A TardeMuita gente tem essa dúvida porque acredita que o mingau está na lista de comidas para vender no inverno e só.

O que muita gente esquece é que esse é um alimento saudável, gostoso e barato e que pode salvar a vida de muita gente durante o dia a dia corrido. Aqui por onde eu moro ele é muito comum e já estive em algumas regiões onde também acontece assim.

Normalmente o mingau é vendido logo pela manhã cedo para as pessoas que levantam para ir trabalhar nas primeiras horas do dia. Só que ele também tem o costume de ser vendido à noite, principalmente para quem vai estudar depois do trabalho.

É claro que em dias frios a venda tem a tendência de aumentar, mas esse é um produto que tem potencial para ser vendido diariamente.

Escolha os sabores certos!


Não adianta saber que vender mingau dá dinheiro e sair por aí vendendo o que você gosta: é preciso vender o que o cliente quer!

Para isso dê uma boa andada pela sua região, veja o que os seus concorrentes estão fazendo, entenda quais são os ingredientes que as pessoas por aí mais gostam e invista justamente nisso.

Eu acredito que o campeão em qualquer lugar do Brasil é o mingau de milho, mas além dele existe o de tapioca, carimã, fubá, maisena, chocolate, aveia e até o de cremogema.

Analise bem o que tem por aí e faça o melhor cardápio possível, como os sabores de mingau que as pessoas são apaixonadas.

Trabalhe com ingredientes de qualidade


Normalmente é preciso de poucos ingredientes para começar sua produção, mas ainda assim eu preciso te lembrar do quanto é importante trabalhar com coisas de qualidade.

Algumas pessoas acreditam que economizar na hora de comprar a matéria prima é o melhor caminho para aumentar a margem de lucro, só que esquecem que é o sabor que chama o cliente.

Se o seu mingau não for gostoso, como é que você vai conseguir vender e ganhar dinheiro? Não tem como!

Meu conselho é que você procure comprar os ingredientes diretamente do produtor, de distribuidoras ou de mercados atacadistas. Assim você consegue preços bem abaixo do comum e não mexe na qualidade do produto.

Analise a melhor forma de trabalhar


Você já sabe que vender mingau dá dinheiro, já entendeu que precisa de ingredientes de qualidade e sabe também até os sabores que as pessoas por aí gostam. O próximo passo agora é pensar na forma de venda.

No geral as pessoas começam trabalhando sozinhas como vendedoras ambulantes. É a forma mais prática e rápida de ter retorno. Aos poucos o negócio vai crescendo e você pode ter uma equipe de vendedores pela cidade – o que vai multiplicar em muito seu faturamento.

Independente disso, o que você precisa pensar é a maneira que vai chegar até o cliente.

Eu trouxe algumas possibilidades para você conhecer:

  • Montando uma barraca fixa em uma região de muito movimento;
  • Comprando um carrinho de mingau;
  • Vendendo na frente da sua casa;
  • Vendendo com a sua bicicleta.

Qual dessas formas de vender mingau tem mais a ver com a sua situação atual? Analise o investimento e aas vantagens que cada uma delas pode te dar e comece a trabalhar o quanto antes.

Vender mingau dá dinheiro, mas é preciso dedicação


Olha, eu não estou aqui para te iludir e comentar sobre algo de uma forma maquiada para te deixar animada à toa. Quero te ajudar sim, mas a verdade é fundamental!

Esse é um negócio que tem muito potencial e que já fez com que muitas pessoas mudassem de vida completamente, mas elas precisaram e precisam pagar o preço por isso todos os dias.

É muito trabalho! Muitas pessoas que começam as vendas de manhã precisam virar a madrugada na produção do mingau, não é fácil, mas compensa muito para elas quando os resultados aparecem.

Tudo na vida é assim! Cada escolha tem lados positivos e lados que precisam ser vencidos e não existe problema com isso.

Ainda assim, com todo o trabalho que existe, ter a liberdade de viver a vida como quer, sem precisar de patrão e conseguindo ganhar muito mais dinheiro do que com carteira assinada, esse é um negócio que vale muito a pena!

Leia também: Salada de frutas para vender

Venda mingau!


As possibilidades de ganho com a venda de mingau são muito boas e se você tiver organização, qualidade no produto e escolher uma boa forma de trabalhar pode conquistar todos os sonhos que tem.

Vender mingau dá dinheiro mesmo, mas a gente precisa se dedicar e dar o nosso melhor – eu tenho certeza que é para isso que você está disposta, não é?

Espero que esse artigo tenha te animado mais e que agora você comece a agir.

Desde já desejo sucesso e boa sorte para você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *