Como montar uma fábrica de sorvete em casa: Fature muito na cozinha!

Quer saber como montar uma fábrica de sorvete em casa, do zero?! Então fica tranquilo que eu vou te ajudar! Trouxe várias dicas simples para você colocar em prática e começar o seu negócio.

Nem todo mundo quer abrir uma sorveteria. Muitos empreendedores que estão de olho nesse segmento, percebem que ter uma fábrica pode ser ainda mais vantajoso e por isso querem investir nisso.

Sem falar que o capital inicial não é alto e você pode ter um resultado muito bom com a estratégia comercial certa.

O lucro por produto é enorme e sabendo usar isso com divulgação, você pode ganhar muito dinheiro.

Outra coisa, viu? Não tem problema algum em começar sua fábrica de sorvete em casa! Tendo uma área reservada para trabalhar, você vai economizar dinheiro para investir mais tarde.

Vem comigo, entenda mais sobre esse negócio e comece a trabalhar o quanto antes!

Dá para ganhar dinheiro com uma fábrica de sorvete?


ganhar dinheiro com sorvete e picolé

Uma das primeiras coisas que você vai entender de como montar uma fábrica de sorvete em casa é que o seu maior produto será o picolé, ele é o que mais vende em um negócio desse.

Um picolé tradicional tem o custo na produção de aproximadamente R$0,15. Sabe por quanto ele é vendido? R$1,00! A margem de lucro é muito grande.

Uma pequena estrutura pode produzir cerca de 2.000 desses por dia, sabe quanto isso significa no final do mês? Mais de R$50.000! Percebe o quanto que dá para ganhar dinheiro com uma fábrica de sorvete?

Claro que existem desafios nesse mercado, como o caso da sazonalidade. Em algumas regiões do Brasil você vai vender mais picolé durante o verão – quem mora no Nordeste não tem muito o que se preocupar com isso.

Mesmo com essas questões, ainda existem estratégias que podem te ajudar a faturar o ano todo com o seu produto.

Minha pergunta é: Você está pronto para pagar o preço do trabalho e da dedicação para o seu projeto dar certo? Se estiver, então esse artigo vai te ajudar muito!

Leia também: Como fazer sorvete para vender

Como montar uma fábrica de sorvete em casa: Passo a passo para fazer acontecer!


como montar uma fábrica de sorvete em casa

São sete passos que trouxe aqui para essa lista de como montar uma fábrica de sorvete em casa. De acordo com a leitura você vai perceber que não tem nada demais! São coisas simples de serem arranjadas.

Mais importante do que aprender essas coisas é entender que todas elas precisam ser modeladas de acordo com a sua realidade, com os seus objetivos e até com o mercado da sua região.

Mesmo que você se sinta um pouco inseguro e tenha um certo medo de dar o primeiro passo, não se deixe paralisar. Depois de um bom planejamento e organização, você não tem motivos para não correr atrás dos seus sonhos.

De antemão já te desejo muita sorte e sucesso por esse caminho!

Agora vamos entender como montar uma fábrica de sorvete em casa pode dar certo:

#1 – Aprenda a fazer sorvete e picolé

Se você quer ter sucesso com uma fábrica de sorvete e picolé caseira, o primeiro passo é aprender a fazer os produtos da maneira certa.

É por isso que você precisa investir na sua capacitação profissional, sabe? Se tornar um especialista no assunto. Hoje em dia isso é muito fácil porque o que não faltam por aí são cursos para te ensinar.

Eu tenho uma amiga que vive a vida fazendo e vendendo produtos gelados, como geladinhos, cremosinhos, picolé e sorvetes e ela resolveu ajudar as pessoas a conseguirem a mesma coisa: A Mell Santos!

Ela tem o curso Sorveteria Caseira que vai te dar uma apresentação do preparo de sorvetes de forma caseira e ainda te ensinar a fazer picolé para vender – dentro do curso tem um e-books só sobre isso.

Você veio aprender como montar uma fábrica de sorvete em casa, não foi? Então vá por mim! Conheça o curso de sorvete da Mell para já saber como preparar tudo e começar com o pé direito!

fazer sorvete e picolé para vender

#2 – Compre os equipamentos para sua produção

Aprendeu a fazer sorvete e picolé? Agora é hora de comprar os equipamentos para começar a sua produção. É aqui que tem o maior investimento do seu negócio, mas é o que vai te fazer ter lucros também.

Basicamente são quatro as máquinas de produção para uma fábrica de sorvete em casa:

  • Liquidificador industrial;
  • Máquina produtora de picolé – que funciona como um super congelador, já com as formas;
  • Seladora de embalagem;
  • Máquina de sorvete de massa – que mexe e congela ao mesmo tempo.

Além dos equipamentos de produção, você vai precisar de freezers para armazenar os produtos, computador, impressora e outras coisas para auxiliarem na administração do seu negócio.

#3 – Vá atrás de bons fornecedores

Você vai precisar de muitos ingredientes e de muitas embalagens para o seu negócio funcionar. Por isso é fundamental recorrer a fornecedores!

Procure no mercado empresas e empreendedores que possuam esses materiais de boa qualidade e com um baixo custo para você. Isso vai ajudar a manter o negócio lucrativo.

#4 – Siga as normas da vigilância sanitária

Todo negócio precisa ser legalizado para começar a funcionar e não seria diferente com a sua fábrica – mesmo ela sendo em casa.

Quando falamos de um negócio que tem a ver com alimentos, o cuidado precisa ser redobrado. Além da abertura de empresa comum, você precisa verificar as normas exigidas pela Vigilância Sanitária – siga tudo à risca!

Isso vai proteger você, o seu negócio e principalmente a integridade e saúde dos seus clientes.

Essa talvez seja a dica mais importante em toda essa lista de como montar uma fábrica de sorvete em casa.

#5 – Invista em sabores diferentes

abrir uma fábrica de sorvete em casa

Dica simples, mas muito importante: Não explore só os sabores tradicionais de sorvete e picolé! Aproveite essa onda de “gourmetização” para trabalhar com ingredientes diferentes.

Outra coisa que vale a pena também é oferecer picolé artesanal (que costuma ter casca de chocolate) e sorvete que tenha calda de chocolate por cima.

Pense na sua região, no que as pessoas estão acostumadas a consumir e veja como você pode aproveitar isso para o seu negócio.

Tenha certeza que bons sabores são a base para uma fábrica de sorvete em casa ter sucesso e gerar dinheiro.

#6 – Venda aí e para outros lugares

Na maioria dos casos, quem investe em uma fábrica de sorvetes tem o próprio espaço para vender os produtos na região e isso é fundamental! Você precisa ter a sua lojinha para oferecer sorvete e picolé avulso ou em grande quantidade para quem passar por perto.

Só que é preciso pensar além disso se você não quer sofrer com a sazonalidade do negócio.

Então invista também na venda para estabelecimentos (escolas, mercadinhos, quiosques, cafeterias, docerias, lanchonetes) e para eventos (de todos os tipos).

Isso vai te dar uma demanda maior de produtos gelados que podem e serão consumidos em todas as épocas do ano.

Até porque não adianta aprender como montar uma fábrica de sorvete em casa e não pensar em maneiras de gerar dinheiro todos os meses.

#7 – Investimento para abrir uma fábrica de sorvete em casa

O investimento para abrir uma fábrica de sorvete em casa é de aproximadamente R$30.000. É claro que essa é uma média, mas que vai variar de acordo com o seu projeto.

Por isso, antes mesmo de sair comprando equipamentos e ajeitando o espaço na sua casa, faça seu planejamento! Ele vai te ajudar a ter uma noção melhor sobre isso com antecedência.

Leia também: Como ganhar dinheiro com geladinho gourmet

Comece a trabalhar!


montar uma fábrica de sorvete dá dinheiro

Agora que já sabe como montar uma fábrica de sorvete em casa, comece a se organizar para que isso não seja só mais um sonho.

Você tem tudo que precisa para colocar a mão na massa e fazer acontecer. Acredite em você!

Desejo muito sucesso e sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *